Guia de Viagem

Malásia

Uma nação colorida, multicultural, multi-religiosa e multifacetada. Biodiversidade e atrações naturais estão por toda a parte neste país inesquecível.

Bem-vindo à Malásia

A Malásia, é um dos países mais desenvolvidos da Ásia. Composto por 13 estados e 3 territórios federais, separados pelo Mar da China em duas regiões, a Malásia (continental) e o Bornéu. É o 44º país mais populoso do mundo e um dos mais diversos.

A capital Kuala Lumpur, é a maior cidade e onde pode encontrar as Petronas Towers. São as torres gêmeas mais altas do mundo (e já foram o edifício mais alto do mundo). Putrajaya é onde o governo federal está localizado.

A história do país remonta aos reinos Malaios. Os Portugueses foram os primeiros europeus a chegar aqui, em 1511. Seguidos dos Holandeses e finalmente os Britânicos. Durante a II Guerra Mundial, a invasão Japonesa acabou com o domínio Britânico.

Tanta mistura de culturas tornou a Malásia um país multi-étnico e multicultural. Há população malaia, indiana, chinesa e indígena. Embora isto aconteça, a Constituição concede liberdade de religião para todos.

A economia tem vindo a crescer devido aos recursos naturais, mas também por causa do turismo, comércio e da ciência.

Há biodiversidade, com fauna e flora endémicas. Estima-se que 20% das espécies animais do mundo estejam aqui. As florestas do Bornéu são tão ricas. Pássaros, mamíferos, lagartos, cobras, sapos e insetos podem ser encontrados. As águas são igualmente prósperas, especialmente ao redor da ilha de Sipadan. Amantes de Ecoturismo vêm de todo o mundo.

Dois terços da Malásia estão cobertos de floresta, algumas delas com 130 milhões de anos. A Rafflesia é a maior flor do mundo e pode ser vista aqui.

Nos últimos anos, o país teve problemas por causa da conservação. Muito por culpa das práticas de exploração e cultivo. A desflorestação e a indústria do óleo de palma são outros dos problemas. O governo da Malásia pretende manter o equilíbrio, mas já foi acusado de favorecer grandes empresas. O turismo tem sido limitado nas áreas de biodiversidade e a exploração de madeira está a decrescer.

A gastronomia da Malásia é um reflexo da multiculturalidade. Influenciada pelas culturas Malaia, Indiana, Chinesa, Javanesa, Sumatra e Tailandesa. As artes são principalmente em áreas como escultura, tecelagem e ourivesaria.

Com uma cultura tão rica, a Malásia é verdadeiramente um país único e com certeza vale a pena uma visita.

Ler Mais
Informação Geral

Saber Mais

O nosso guia de viagem da Malásia ajudá-lo-á a planear a sua viagem. Antes de partir, aqui estão algumas diretrizes simples para facilitar a aventura.

Capital: Kuala Lumpur

Língua: Malaio

Fuso Horário: UTC+8

Moeda: Ringgit

Fronteiras: Tailândia; Singapura; Vietname & Indonesia

Como país desenvolvido que é, a Malásia possui um bom serviço de comunicações. Existem 5 operadoras diferentes no país, sendo a Celcom e a Maxi Communications as melhores.
A cobertura de rede abrange quase todo o país. O mercado de banda larga está em crescimento contínuo.

A Malásia é um país seguro. Crimes violentos contra turistas são raros, embora pequenos furtos possam ocorrer. Fique atento ao seu cartão de crédito, porque fraude é um problema comum.
O país possui uma Polícia de Turismo, especializada em ajudar turistas. Usam uniformes azuis escuros com um distintivo vermelho e azul no bolso da camisa, exibindo a letra ‘I’ (informações).

O sistema de saúde da Malásia é muito bom nos centros urbanos. Obviamente, o mesmo não pode ser possível nas áreas rurais. Precisará de uma prova da vacinação contra febre amarela se tiver visitado um país na zona de febre amarela nos 6 dias antes da entrada.
Não beba água da torneira, a menos que tenha sido verificada. Evite gelo e sumos frescos.
Nas selvas, tenha cuidado com as sanguessugas, as cobras (algumas venenosas), os orangotangos (às vezes agressivos) e os macacos (geralmente roubam comida). Ataque de crocodilos pode ser um problema em estuários enlameados.
Faça a consulta de viajante no seu país e claro, um bom seguro de viagem.

Entrar na Malásia é simples. A maior parte das nacionalidades não precisam de visto. Apenas precisa de um passaporte válido, que será carimbado ao entrar no país, para uma estadia de 30 ou 90 dias. Para saber se é elegível, visite o site do departamento de imigração.

Malásia 1
Atracções

Melhores Experiências

Melhores Experiências

Malásia 2
Kuala Lumpur
A moderna capital é um importante centro cultural, financeiro e econômico. Hindus, Muçulmanos e Chineses vivem em paz. Visite os templos, mesquitas, aprecie a arquitetura e vá a um festival cultural, se possível. Não perca as icónicas Batu Caves. Admire as mais altas torres gêmeas do mundo, as Torres Petronas.
Malásia 3
Langkawi
Conhecida como a 'Jóia do Kedah', Langkawi, recebeu da UNESCO o estatuto de Geoparque Mundial. A ilha é lugar para relaxar em num dos resorts exclusivos. Mergulhe, explore a floresta exuberante ou compre o que quiser, pois é isento de impostos. Não perca o Langkawi SkyCab, o teleférico mais íngreme do mundo.
Malásia 4
Penang
Lar de alguns dos melhores pratos da Malásia, Penang é a segunda maior ilha. As principais atrações são a cultura e a história, que estão por todo o lado.
Malásia 5
Malacca
Um lugar com múltiplas influências coloniais. O Estreito de Malacca já foi uma rota marítima crucial, sendo o centro do comércio e do intercâmbio cultural. Hoje é possível ver prédios antigos de influência Portuguesa, Holandesa e Britânica na região. O centro da cidade é Patrimônio Mundial da UNESCO desde 2008.
Malásia 6
Perhentian Islands
As subestimadas ilhas Perhentian são um local sublime para snorkelling e mergulho. A enorme variedade de recifes de coral, vida marinha e águas claras, tornam-nos perfeitos para quem gosta da vida no mar. Há uma incubadora de tartarugas na ilha para ajudar no declínio da população desta espécie.
Malásia 2
Kuala Lumpur
A moderna capital é um importante centro cultural, financeiro e econômico. Hindus, Muçulmanos e Chineses vivem em paz. Visite os templos, mesquitas, aprecie a arquitetura e vá a um festival cultural, se possível. Não perca as icónicas Batu Caves. Admire as mais altas torres gêmeas do mundo, as Torres Petronas.
Malásia 3
Langkawi
Conhecida como a 'Jóia do Kedah', Langkawi, recebeu da UNESCO o estatuto de Geoparque Mundial. A ilha é lugar para relaxar em num dos resorts exclusivos. Mergulhe, explore a floresta exuberante ou compre o que quiser, pois é isento de impostos. Não perca o Langkawi SkyCab, o teleférico mais íngreme do mundo.
Malásia 4
Penang
Lar de alguns dos melhores pratos da Malásia, Penang é a segunda maior ilha. As principais atrações são a cultura e a história, que estão por todo o lado.
Malásia 5
Malacca
Um lugar com múltiplas influências coloniais. O Estreito de Malacca já foi uma rota marítima crucial, sendo o centro do comércio e do intercâmbio cultural. Hoje é possível ver prédios antigos de influência Portuguesa, Holandesa e Britânica na região. O centro da cidade é Patrimônio Mundial da UNESCO desde 2008.
Malásia 6
Perhentian Islands
As subestimadas ilhas Perhentian são um local sublime para snorkelling e mergulho. A enorme variedade de recifes de coral, vida marinha e águas claras, tornam-nos perfeitos para quem gosta da vida no mar. Há uma incubadora de tartarugas na ilha para ajudar no declínio da população desta espécie.
Transportes

Como Se Deslocar

Em geral, a Malásia possui um sistema de transportes muito eficiente. Somente no Bornéu, a deslocação é mais difícil. Como a Malásia é um dos países mais desenvolvidos da Ásia, possui infraestruturas e estradas de qualidade.

A auto-estrada mais longa do país estendendo-se por 800 quilômetros entre Singapura e a fronteira com a Tailândia. As grandes cidades podem ser caóticas, mas os transportes público é uma boa opção.

A rede ferroviária coneta a maioria dos 11 estados. Os autocarros também são amplamente utilizados.
O aeroporto internacional de Kuala Lumpur é um dos maiores e mais movimentados da Ásia. A companhia aérea nacional é a Malaysia Airlines.

Photo by Amirul Amri
  • Voos

É fácil chegar à Malásia por via aérea. O aeroporto internacional de Kuala Lumpur está bem conetado ao resto do mundo. Há voos frequentes a operar dos países vizinhos. Os aeroportos de Penang e Langkawi também são usados ​​para voos internacionais. A Malaysia Airlines é a companhia aérea nacional.

  • Comboios & Autocarros

A rede ferroviária está a fazer progressos significativos. De comboio, é possível chegar ao país vindo de Singapura e da Tailândia. Veja aqui os horários. Os autocarros entre a Tailândia e Singapura para entrar na Malásia são usados ​​por muitos turistas.

 

Alojamento

Onde Ficar

Na Malásia, terá um vasto leque de opções para alojamento. Desde os simples hostels com dormitórios partilhados até aos resorts mais luxuosos. É importante reservar com antecedência, principalmente, nos feriados ou eventos importantes.

Hostels e guesthouses estão espalhados por todo o país. São fantásticos para quem tem baixo orçamento, normalmente com pequeno-almoço e extras, como Wi-Fi gratuito ou chá/café.

Os hotéis na Malásia podem ser econômicos, mas também dispendiosos. No primeiro, espere um serviço básico e preços a partir de 75MYR (18$/16 €). Procure as ofertas promocionais em hotéis luxuosos, praticadas algumas vezes por ano.

É possível acampar nos parques nacionais da Malásia ou nas ilhas desabitadas. Outra opção é ficar na casa de uma família malaia. É uma experiência única para conhecer melhor os costumes e a cultura. Para saber mais sobre os programas de alojamento em casa de famílias malaias, consulte o Turismo da Malásia.

No Bornéu, existem as longhouses. Basicamente, é uma vila inteira sob o mesmo teto interminável. Esta é a maneira de viver do povo indígena Dayak. A estadia deve ser coordenada através de um guia local.

O Airbnb é uma boa opção no país. Apartamentos confortáveis ​​podem ser alugados por um bom preço. Percevejos são um problema preocupante na Malásia. Tenha cuidado com isso, especialmente em hotéis mais baratos. Às vezes é preferível pagar um pouco mais mas, ficar num local mais limpo. Para reservar com antecedência o seu alojamento, use a caixa de reservas do Booking.

Destinos

Quando Visitar a Malásia

A Malásia tem um clima tropical, isto é, quente e húmido com alguma chuva ao longo do ano. Dependendo da região que visita, é possível evitar a chuva. A época alta ocorre de Dezembro a Fevereiro, quando as férias escolares acontecem, seguidas pelo Ano Novo Chinês. Os preços subirão. É importante evitar a costa Este da Malásia e o Oeste de Sarawak devido às monções.

Entre Março e Junho chega ao fim o Ramadão. De Julho a Novembro é altura da época intermédia. Mas, são os meses mais chuvosos na costa Oeste e nas terras altas.
Geralmente, a melhor época para visitar é de Dezembro a Fevereiro. Há menos humidade, o tempo é seco e a temperatura amena.

Meses
Janeiro
Fevereiro
Março
Abril
Maio
Junho
Julho
Agosto
Setembro
Outubro
Novembro
Dezembro
Época Baixa
Época Intermédia
Época Alta
Preços
O mais barato
Barato
Caro
Clima
Quente e Chuvoso
Húmido
Quente e Húmido
Multidões
Pouca
Moderada
Muita
Época Baixa
Preços
O mais barato
Clima
Quente e Chuvoso
Multidões
Pouca
Época Intermédia
Preços
Barato
Clima
Húmido
Multidões
Moderado
Época Alta
Preços
Caro
Clima
Quente e Húmido
Multidões
Muita

Melhores meses para visitar a Malásia

De Dezembro a Fevereiro
- Menos humidade
- Tempo seco
- Ainda temperatura amena

Estratégia

Planear a Viagem

Pode facilmente planear a sua próxima viagem com as ferramentas abaixo. São links afiliados. Ao usá-los, está a ajudar-nos, sem nenhum custo adicional, a continuar o nosso trabalho.

Voos para Malásia

Obtenha aqui o seu voo ao melhor preço!

Hotéis na Malásia

Encontre o melhor alojamento para si.

Seguro de Viagem

Porque acidentes podem acontecer! Previna-se!

Tours na Malásia

As melhores actividades e tours para a sua viagem.

Alugar um carro

Uma boa maneira de explorar a Malásia.
Artigos

Posts da Malásia

Roteiro de Viagem pelas Filipinas - 21 Dias na Terra das Ilhas Encantadas
O Que Visitar em Melgaço - Guia e Pontos de Interesse
Guia para visitar Bragança - locais a não perder
O Que Visitar em Budapeste – Roteiro de Viagem
dots-bigger
Viajar Mais

Precisa de ajuda com a sua viagem?

Diz-nos em que podemos ajudar e entraremos em contacto para ajudar com dicas ou aconselhamento personalizado.

Travel more

Do you need help with your travel?

Let us know how can we help and we will get in touch with you.